(eter)

17 outubro 2007

manta curta

.
Penso que Tiago Bettencourt é o melhor escritor de canções em português da actualidade.
Difícil pela língua, não tanto pelo panorama em redor.
O disco "O Jardim", que saíu dia 1 deste mês e que assina em conjunto com a banda Mantha, poderia ser a demarcação relativamente aos Toranja, mas infelizmente não é.
Infelizmente, porque - embora não desgoste de Toranja - as letras escritas pelo Tiago são boas demais para se dispersarem numa embalagem musical pouco criativa, que só existe, salvo honrosas excepções, para fazer o embrulho das letras.
Se sempre me pareceu que a música nunca chegou ao nível da letra, com mais certeza fiquei quando o ouvi cantar uma canção unplugged do novo disco na Radar.
De qualquer forma, ficam aqui alguns exemplos que me desmentem - ou confirmam -, embora espere pelo disco verdadeiramente a solo, só com uma guitarra e, vá lá, um violino, com a intensidade daí resultante.
Irá ser, ainda assim, um dos melhores discos portugueses deste ano.
.
tiago bettencourt & mantha - o lugar
.
tiago bettencourt & mantha - o campo
.
tiago bettencourt & mantha - a praia
.

2 comentários:

Jorge A. S. disse...

Já tive a oportunidade de aqui dizer que classifico este blogue como de "utilidade pública".
Ainda que não me considere propriamente ignorante em termos de cultura musical (desde míudo que fui "obrigado" a cultivar um são ecletismo...), o Eter tem-me ajudado a rasgar horizontes.

Quanto ao Tiago (que não conhecia...vivo na estranja) estamos de acordo.
Abraços e keep up the good work.

cj disse...

jorge,
muito obrigado pelas amáveis palavras.